Público alvo

Saiba quem se destina a formação

Objetivo

Saiba mais sobre os objetivos

duração

Carga horária 16 horas, 7 encontros remotos

Início

Primeira turma: julho 2021

Curso destinado a executivos e lideranças de empresas dos diversos segmentos do setor elétrico. Abordagem prática sobre as responsabilidades das lideranças e da alta gestão na operação crítica dos sistemas elétricos, dados e informações. Estudo dos cenários atual e futuro com ênfase em riscos e ameaças cibernéticas considerando as transformações do setor elétrico. Imersão nos meios de cooperação, prevenção e resposta a incidentes cibernéticos, com base em aspectos estratégicos, operacionais e de tecnologia da informação e tecnologia de automação. Estudo dirigido com mentoria especializada e simulação de condições reais para aplicação futura dos conhecimentos nas empresas elétricas.

Apresentar de forma dinâmica, didática e aplicada os conceitos e teorias de cibersegurança inseridas no contexto do setor elétrico. O curso foca em sensibilizar de forma prática as respectivas responsabilidades das lideranças e da alta gestão dentro das corporações nos temas críticos de segurança da informação e segurança cibernética.

Indicado para profissionais que tenham experiência nos diversos segmentos do setor elétrico e exerçam funções táticas, estratégicas e de gestão; Curso voltado para tomadores de decisão e pesquisadores da área.

Ampliar e/ou desenvolver os conhecimentos e competências em gestão executiva de cibersegurança; Identificar todos os elementos de missão crítica de Tecnologia de Automação (TA) e Tecnologia da Informação (TI) do setor elétrico afetados pela cibersegurança; Identificar no contexto Brasil e mundo os normativos, certificações e práticas adotadas para o setor elétrico; Entender papeis e responsabilidades no contexto de segurança da informação dentro das corporações; Identificar os principais elementos para realização simulada de gap analysis de segurança da informação e cibersegurança; Compreender os processos corporativos envolvidos e identificar conjuntos de ações necessárias para tratamento não-conformidades; Analisar os efeitos, relacionamentos e ciclos de vida das principais disciplinas relacionadas à segurança da informação e segurança cibernética; Entender e aplicar em casos de uso a gestão de riscos e plano de continuidade de negócios; Contribuir para melhoria contínua dos critérios cibersegurança para o setor elétrico;

Aulas Remotas Ao Vivo; Abordagem teórico-prática a partir de casos de uso; Debate de temas críticos com especialistas e referências; Materiais Complementares em ambiente virtual; Suporte teórico online via chat;

Panorama, Contexto e Normativos do Setor Elétrico; Segurança em Redes de Tecnologia de Automação (TI) e Tecnologia da Informação (TI) aplicadas ao Setor Elétrico; Ameaças, Ataques e Incidentes Cibernéticos; Modelos de implantação de Segurança da Informação e Cibersegurança; Ferramentas, Metodologias e Abordagens de proteção e segurança; Ethical Hacking e Computação Forense; Certificações e Auditorias de Cibersegurança

Marcelo Branquinho

Engenheiro eletricista com especialização em sistemas de computação e MBA em gestão de negócios, sendo fundador e CEO da TI Safe. Especialista em segurança cibernética industrial. É autor de diversos livros técnicos e trabalhos publicados e frequente apresentador de estudos técnicos em congressos internacionais. Membro sênior da ISA Internacional, atua em diversos grupos de trabalho, como o da atual ISA/ IEC-62443.

Thiago Branquinho

Carioca dos anos 80, é apaixonado pelos bits e bytes desde criança, quando ganhou seu primeiro computador. Biólogo de formação e de espírito empreendedor, atuou em projetos multidisciplinares nas áreas de meio ambiente, gestão de resíduos, sustentabilidade, planejamento, gestão de negócios, manufatura digital, inovação tecnológica e segurança cibernética. É co-fundador e CTO da TI Safe, empresa referência nacional e internacional de defesa cibernética de infraestruturas críticas.

João Marcelo Silva Souza

Doutorando e Mestre em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), Graduado em Engenharia de Computação pela Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). Projetista de circuitos integrados pelo programa CI-BRASIL. Atuou vários anos no programa de projetos de circuitos integrados digitais, de eletrônica embarcada e comunicação. Atualmente é coordenador do Laboratório de High Performance Computing (HPC) do SENAI CIMATEC, especialista segurança da informação, um dos líderes da iniciativa do Latin America Quantum Computing Center (CIMATEC LAQCC) e da área de Cibersegurança do SENAI CIMATEC.

Nivalde J. de Castro

Coordenador geral do Grupo de Estudos do Setor Elétrico - GESEL. Professor Doutor do Instituto de Economia da Universidade Federal do Rio de Janeiro -UFRJ desde 1975. Leciona disciplinas na graduação e pós-graduação sobre o setor elétrico. O GESEL desenvolve pesquisas e estudos sobre inúmeros aspectos relacionados direta e indiretamente com o setor elétrico: análise do modelo de estruturação, matriz de energia elétrica, padrão de financiamento, processo de concentração, regulação, modelagem dos leilões de energia e de linhas de transmissão, equilíbrio econômico - financeiro das empresas do setor, linha de estudos sobre governança corporativa pública. Autor de inúmeros artigos sobre o setor, publicados em revistas e portais especializados, periódicos mais acadêmicos e no IFE, publicação do próprio GESEL. Desde 1998 publica o livro anuário Séries das empresas do setor elétrico. Em 2008 publicou em co-autoria livro sobre Bioeletricidade. Mantém intercâmbio acadêmico com Universidade do Porto, Corunha, e ISEG- Portugal. É orientador de monografias relacionadas com o setor e é orientador de professores e pesquisadores em Pós Doutorado. 

Nelson José Hubner Moreira

Especialista em energia, com 30 anos de experiência em atividades planejamento e operação em concessionárias e formulador de políticas públicas para o setor de energia. Sua experiência inclui atividades relacionadas à gestão dos setores de energia e mineração do Brasil, como avaliação do suprimento de energia e mineração e formulação de políticas públicas para estes importantes setores da economia nacional. Participou, entre outros, de estudos e formulação do novo marco regulatório implantado no país em 2004 (Leis 10848/2004 e 10849/2004) e da proposta de nova lei para o setor de gás natural, em fase final de aprovação pelo Congresso Nacional. Trabalhou também na preparação e desenvolvimento do Programa Luz para Todos que já atendeu com energia elétrica mais de 8 milhões de brasileiros das áreas rurais do país desde 2004. 

Lucca Zamboni

Concluiu graduação (2003) e Mestrado (2007) em Engenharia Elétrica pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e Doutorado (2013) pela Universidade São Paulo - USP. Atuou como Gerente do Programa de Pesquisa & Desenvolvimento (P&D) da EDP (2007 a 2017), Vice Coordenador (2013-2015) e Coordenador do Grupo de Trabalho de P&D ABRADEE (2015-2017). Foi Engenheiro e Pesquisador na Cipoli Engenharia e Consultoria, MVKL, Universidade Presbiteriana Mackenzie, Bandeirante Energia S.A., Companhias Paulista e Piratininga de Força e Luz, Escelsa e Rio Grande Energia. Atuou como Professor no Curso de Comercialização de Energia no Ambiente Regulado no Mackenzie (2007-2012). Autor de capítulos de livros, possui artigos publicados em periódicos internacionais e em revistas nacionais e em anais eventos (congressos, seminários, etc.). 

Cristiano Lincoln

CEO da Tempest

Bruno Guerreiro Diniz

Executivo de segurança cibernética com mais de 15 anos de experiência em segurança cibernética e da informação. Possui experiência na liderança de equipes e serviços de operações cibernéticas, com expertise em inteligência e pensamento de negócios; pensamento crítico e abordagem de resolução de problemas; ambiente multifornecedor, multicliente e multivertical, com grande habilidade de negociação.

Victor Manuel da Silva Santos

Professor Catedrático na ISEG (Lisbon School of Economics &management). Ex-presidente da ERSE (Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos – PT). 

José Sidnei Colombo Martini

Engenheiro Eletricista, formado na Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, em 1970, onde fez carreira acadêmica. Mestre (1975), Doutor (1982) e Livre-Docente (1992) em Engenharia Elétrica e Professor Titular (2002). Professor na Escola de Engenharia Mauá (1971 a 1973). Gerente na Fundação para o Desenvolvimento Tecnológico da Engenharia – FDTE (1973 a 1979). Chefe do Departamento de Controle de Abastecimento de Água da SABESP (1979 a 1984). Chefe de Departamento de Informática da COPESP – Coordenadoria para Projetos Especiais do Ministério da Marinha (1991 a 1993). Diretor das empresas: COMSIP Engenharia S.A. (1984 a 1991), CBB - Instrumentação e Controle (1993 a 1995), CEGELEC Engenharia S.A. (1995 a 1998) e ALSTOM (1998 a 1999). Presidente da EPTE – Empresa Paulista de Transmissão de Energia Elétrica (1999 até sua incorporação pela CTEEP em 2001). Presidente da CTEEP – Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista (1999 até 2009). Professor do Departamento de Engenharia de Computação e Sistemas Digitais da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo desde 1974. Professor Titular desde 2002, atuando na área de Sistemas Abertos de Supervisão e Controle Distribuídos.

Mauricio Moszkowicz

Coordenador executivo do GESEL. Mestre em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro com Master of Business Administration (MBA) no Setor Elétrico na IAG - Escola de Negócios da PUC-Rio. Ocupou diversos cargos na estrutura organizacional do CEPEL entre1973 e 1998. Foi Coordenador do Programa Xingó pelo CNPq entre 1998 e 1999. Atuou como Diretor de Projeto da FBDS - Fundação Brasileira Desenvolvimento Sustentável, entre 1998 e 1999. Foi Gerente Executivo do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) entre 1999 e 2008. Entre 2009 e 2014 atuou como Gerente de Novos Negócios em Tecnologia Renováveis. Participou da implantação da primeira usina solar do Brasil em Tauá; do desenvolvimento de projetos eólicos para participação em leilões de energia.

Claudio Silva

Atuando há mais de 20 anos nas areas de networking e security, já estive envolvido em projetos importantes no ambito academico e tambem empresarial. Dentre os principais projetos estã: Implantação da primeira Rede Full ATM no Campi da Universidade Iguaçu, Treinamentos em redes ATM para os pesquisadores e engenheiros de rede do CBPF (RJ), Implementação do SOC Atos Brasil, identificação e apoio na contenção de ataques contra os HPCs Cimatec durante pesquisa do Covid; Coordenação das ações de contenção e erradicação de Ransonware no STJ, Penetration Tester do Banco de Previdencia Social do Uruguay e ter apiado dezenas de empresas a implementar melhores praticas de segurança da informação. 

Raquel Oliveira

Expecialista em auditoria de sistemas com mais de 20 anos de experência focada em segurança da informação. Título de Bacharel em Ciências Contábeis pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo desde1999 e MBA em Segurança da Informação pela Instituição DARYUS. Título de auditor leader da ISO / IEC 27001 ISMS e auditor interno da ISO9001 QMS, ISO2000 SMS e ISO14001 AMS, soman-se à sua experiência na avaliação, implementação e melhoria continua do processo. É CISO – Chief Internal Security Officer para South América, DPO – Data Protection Officer para Brasil e DSO – Division security Officer para Operações na Empresa Atos. Também atua como Membro Consultor da Comissão de Startups, Proteção de Dados e Inovação – CSPSDI – OAB Lapa.

Andrea Campelo

Profissional com larga experiência, atuando há 30 anos em segurança cibernética, tecnologia da informação e gestão, é fundadora e CEO da tecnoAtiva, que desde 1998 contribui com o desenvolvimento da segurança cibernética de organizações públicas e privadas. Atualmente é mestranda em segurança da informação pela Royal Holloway University of London e em 2012 participou do Key Executive Program na Harvard Business School. Com a visão de que o ser humano é o ponto central da segurança cibernética, liderou a Pesquisa de Segurança da Informação da Bahia e Sergipe de 2006 a 2014, compilando os desafios de mais de 100 CIO’s desses estados. De 2011 a 2019 realizou, anualmente, o Fórum de Segurança da Informação no Congresso da SUCESU Bahia, fomentando o debate do tema na comunidade baiana de profissionais de tecnologia da informação. Certificou-se como CIPM, Certified Information Privacy Manager pelo IAPP em 2021; certificou-se como CISM, Certified Information Security Manager, pelo ISACA em 2018; e como Auditora Líder da ISO 27001, pela BSI em 2013. Conduziu o processo de certificação ISO 9001 da tecnoAtiva em 2013, e em 2016 teve um projeto de inovação tecnológica contemplado na FAPESB. Foi presidente da ASSESPRO Bahia, Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação Regional Bahia, no biênio 2011-2012 e é voluntária da WOMCY – Women in Cybersecurit

Fernando Francisco Gomes

Profissional atuante na área de tecnologia a mais de 15 anos. Especialista em Redes de Computadores com foco em Segurança da Informação. DPO (CERTIFICAÇÕES LGPD + GDPR+ ISO27001 + ISO 27005) INFORMATION SECURITY ANALYST (CERTIFICAÇÕES ISO27001 + ISO27002 + INFORMATION SECURITY POLICY + VULNERABILITY MANAGEMENT)

Fernando Ruicci

Formado em Administração e Banco de Dados e pós graduação em Cibersegurança e Proteção Digital de Negócios, com grande experiência no mercado financeiro e de energia. Atuando como executivo nas áreas de Arquitetura Corporativa, Dados e Segurança da Informação. Palestrante, instrutor oficial Microsoft além de certificado em Cloud, Data e Analytics. 

Jose Erthal

Mais de 10 anos trabalhando no setor de energia. Head da unidade de negócios Controls&Digitalization na Siemens Energy do Brasil. Head de vendas da Siemens Energy para Controls&Digitalization na América Latina.